Aulas de Piano

MENSALIDADES   HORÁRIOS

 

foto_piano_a.jpg

Fotos_piano_margarida.jpg

 

O Piano é um instrumento que exercita além de muito mais, o desenvolvimento da musicalidade, sensibilidade, coordenação e concentração. Os diversos métodos utilizados devem aliar-se ao tipo de objectivos a definir pelo aluno/professor. Estes objectivos são de extrema importância para a escolha dos temas, peças, exercicios ou até mesmo do estilo musical pretendido que poderá ir desde o clássico, ao rock, jazz etc...

Para os mais pequenos (crianças a partir dos 5 anos), no início da aprendizagem é utilizado o sistema ISM, um sistema assistido por software educational específico (com livros e métodos de música com disquetes) um inovador e revolucionário sistema de ensino desenvolvido pela Roland  que veio permitir ao seu utilizador professor/aluno realizar as suas tarefas musicais de uma forma descontraida, original, eficaz e sempre num ambiente de grande motivação.

Objectivos

Compreensão do instrumento

Prática da leitura em ambas as clavas e/ou leitura de cifra

Técnica pianística, de forma a que o executante possa trabalhar o reportório minimizando assim as dificuldades

Execução de reportório variado

Teoria

Leitura (rítmica e melódica) e prática nas claves de sol e fá

Treino auditivo aliado a exercícios práticos ao piano (reconhecimento de intervalos, tríades, acordes, graus, etc...)

Técnica

Exercicios de desenvolvimento para as mãos e dedos (exercícios de coordenação, independência e força de dedos, velocidade, ect...)

Treino de escalas e arpejos (conceito de tonalidade, armações de clave, ciclo das quintas, ect...).

Estudos específicos para o desenvolvimento da técnica pianística

Reportório

O tipo de reportório poderá ser bastante variado dependendo do estilo musical pretendido, mas o estudo e memorização de temas/peças é sempre de extrema importância e estará obviamente sempre de acordo com o nível do executante.

Não há receitas infalíveis, nem métodos milagrosos. Cada um vale o que valer a quem o aplica. O aluno, tal como qualquer executante deve adaptar-se, repensar e ajustar as suas próprias experiências!

 

As aulas realizam-se uma vez por semana com interrupções nos períodos a definir pela Escola, de acordo com as do ensino oficial.

 

Partilhar no Facebook